quarta-feira, 29 de julho de 2015

Respostas #ao PDR#

PDR aqui voltei
Respondo-te de Portugal
Como uma fêmea com cio
Que procura o par ideal!!!

Assim são nossos sentidos
Numa amizade distinta
Tu publicas teus postes despidos
Eu descrevo os meus intimos desejos
Nas metáforas escondidos!!!

Abraço amigo

Te informarei meu amigo
Do que aqui escrever´.
Porque tudo o que digo
tu também o deves ler!

São textos todos sem perigo
Como a vida deve ser
E em tudo o que digo
Enalteço a mulher!

Sejam Marias ou não
Joanas, Teresas ou Ritas
Margaridas, Claras ou João
Anas, Sandras ou Filipas...

Neste escrever simplista
A todas eu vou amando
Algumas estão à vista
Outras eu vou beijando!!!

Abraço PDR

quarta-feira, 22 de julho de 2015

Respostas#à Janita#

anita!!!! Tirei-te os sentidos?
Eu nem quero acreditar!
Arrasei-te...estamos perdidos!!!
O INEM vou chamar!!!

Não me atendem, que chatice!
Vou ter que me aplicar...
Não me esqueci ...que patetice!
Também sei reanimar!!!

Cheiras-me, Vês-me, Apalpas-me
Provas-me, Ouves-me ...estás reactiva!
Fixe...passei no exame!!!
Janita!!! Tu estás bem viva!!!

Beijinhos Janita
                                                   

                                                     Como me reanimaste?
                                                     Foi com massagem cardíaca
                                                     ou respiração boca a boca?

                                                     Só sei que me reactivaste
                                                     mas...fiquei ainda mais tonta!!! ;))         (Janita)  


Janita podia apenas dizer
Que te reanimei com palavras
Porque é mais fácil escrever
Do que reaver vidas paradas!

As massagens são sempre dadas
sempre fortes e ritmadas
Com os dedos entrecuzados
e com as mãos espalmadas
sobre o peito aplicadas...

Comprimindo o coração 
A rondar cem apertões por minuto
Até parece ser bom
Mas deixou-me cansadito...
Teu corpo que é um pão...

Claro que te insuflei
Boca a boca sem tirar...
Não sei se te asfixiei
Ou se fui eu que desmaiei
Por não conseguir respirar!!!!

E a brincar fica dito
O que não quero que aconteça...
Mais vale mandar-te um beijo
Que te reactive o coração
E te entonteça a cabeça!!!

Beijinho Janita com muita saúde e amizade.
Janita a tua resposta
Ainda é muito mais bonita
Que o poema que do meu ser
Brotou naquela singular escrita!

Sou a Maria! Janita...
acredita!
Com esses problemas tais...
Sinto-me tão presa
e submissa!

Sou alguém...
que amo tudo e ainda e sempre
alguém, também!

Na verdade, sou quem sou
Aqui onde estou...

Mais?...
não to poderei dizer jamais
é isso que nos torna na igualdade de ser vivo
Uns seres reais e afinal desiguais!
Libertar-me-ia se pudesse!
Libertar-me-ei se puder!
Libertar-me-á quem souber!

Por isso...
Bebé/Menina/ Criança
Mulher/ Adulto/Homem
Irei até onde a vida me deixar
Sonhar e sentir esperança
Antes de deixar de respirar
E à tumba um dia entrar
Onde todos os bichos aí me comem!

Aqui...
enquanto escrever!
Sofro porque o amor se enreda
Como a cortina numa pequena janela
Fazendo da minha vida
Uma pequena Novela!!!!

Beijinho Janita, nesta nossa mútua admiração pela palavra mas muito mais pela VIDA***

quarta-feira, 15 de julho de 2015

Respostas#à Nina#

Nina Nininha não expludas!
Olha que a inflamação é imensa
Espero que nunca o Judas
Me venda esperando a recompensa!

Sentidos e sentimentos
São verdadeiramente voláteis!
Os primeiros fazem de nós seres atentos
Os segundos por vezes irresponsáveis!!!

Aprecio a tua atenta leitura
De textos que são sentidos
Sei que em ti ainda perdura
Um mar de sentimentos vividos!

Beijinho Nina 


Nina e Nininha que giro
O teu nome assim escrito
Ao comentares a Maria
Deixaste-me aflito!

Acredito que na vida
Com amores e com castigos
Tenho escrito muita ferida
Num livro que dou aos amigos!

É um livro baralhado
Com páginas de loucura
Onde também mora o pecado 
De andar à tua procura!!!

Se prestares toda a tua atenção
Na leitura que aqui fizeres
Verás no centro do seu coração
Páginas em branco para escreveres!

O meu livro é então 
A vossa presença em mim
Na virtual ilusão
De vos ter até ao fim!!

Se à conclusão chegares
Sem te cansares de me ler...
Talvez sem me elogiares
Eu pra ti volte a escrever!

Nina Nininha ambos somos
De certeza Criativos e originais
Porque nos momentos em capsulas
O teu sabor é bom demais!

Beijinhos Nina

segunda-feira, 13 de julho de 2015

Respostas#à Pipoca#

Uma mistura sumária
Como quem faz as pipocas
A ordem é aleatória
Nem todas são iguais
Mas juntas fazem história!!

Deixar bem arrumadinhos
Sentidos e sentimentos
Faria de nós seres insonsinhos 
Talvez um pouco amorfos 
Sem sabor e uns anjinhos!!

Por isso somos diferentes 
Na vida que se cozinha
Uns libertinos e ausentes
Outros como tu ...que és Pipoca
Aprumada e Arrumadinha!!!

Beijinho Pipoca

quarta-feira, 8 de julho de 2015

Respostas#à Diana#

É isso a vida Diana!
Sentidos e sentimentos
Os sentidos são a chama
de sentimento sedentos!

Sentir é estarmos vivos
Com toda a plenitude!
Sentimentos revelam perigos
Determinam atitude!!!

No sentir eu descobri
Que alguém me adora a mim!
No sentimento morri!
Não posso corresponder-lhe assim!

Assim no sentir se vive
E no sentimento se morre!
Ganhei a vida que tive
mas perco-a se alguém descobre!!

Beijinho Diana