terça-feira, 12 de abril de 2011

Para voz …a Tua!

Na minha casa foi muito bom receber…


Tua doce e delicada voz!

Voz efeminada e acalorada.

Encontrei o que esperava encontrar,

Uma voz que me excita,

Calma livre e desafogada…

Radioactiva, que até o coração palpita!

Volta, traz a tua voz…encantada.

Sempre há alguém que acredita!

Aqui, onde o mundo é sofrido,

Fico aturdido ouvindo ruídos na rua,

Esperando a voz que é tua!

5 comentários:

  1. Gostei muito, mesmo lendo de repente... lendo mais lentamente só posso dizer, pois que sim, que está muito bem... ;)

    ResponderEliminar
  2. Pois sou Cacaroleta, quanto mais estranho mais entranho;)

    ResponderEliminar

...Simplesmente Maria.