quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Nada!

Quando se quer e não se tem o que se faz?


Nada!

Quando se faz o que não sequer, o que se faz?

Nada!

Quando se faz o que se quer mas não vale nada, o que se faz?

Nada!

Quando se desfaz, o que se faz?

Nada!

Quando se refaz o que se desfaz, o que se faz?

Nada!

Quando se é capaz de ser incapaz, o que se faz?

Nada?

Quando se é incapaz de ser capaz, o que se faz?

Nada?

Apre! Quem bem nada, não se afoga se for capaz de nadar e incapaz de se afogar.





(verdade que ando afogado de tanta capacidade de incapazes que são capazes de nos afogar mesmo quando fazemos o que podemos para que não nos afoguem, mas não vale de …NADA!)

4 comentários:

  1. Temos mas é que fazer alguma coisa, caraças! Afoguemos nós quem nos quer afogar! :)**

    ResponderEliminar
  2. Linda, já nem sei que dizer....

    Fica bem

    ResponderEliminar

...Simplesmente Maria.